cristo.jpg


// Antes de comentar este texto, leia o texto “Cristo Redentor, a polêmica continua” após ler este post. Se ainda assim discordar de nossa opinião, pode comentar. //

Aproveitando a mensagem do culto de ontem, resolvi tecer alguns comentários sobre o “Cristo Redentor”.

Nós, protestantes, evangélicos ou qualquer que seja a denominação, estamos tão acostumados com algumas práticas e conceitos que muitas vezes deixamos de perceber o óbvio. Nossa nação é um país tão absurdamente idólatra, que ficamos de certa forma anestesiados e não tomamos nenhuma atitude contra essa prática condenada por nosso Senhor desde os idos de Moisés.

E eu particularmente nunca havia me dado conta de que o Cristo Redentor que está sobre o Corcovado no Rio de Janeiro, é o maior símbolo de idolatria que se pode imaginar.

Poxa vida, se o mandamento de Deus nos diz para não fazermos imagem de escultura de nada que há sobre a terra, céu e mar, quanto mais uma imagem dEle mesmo!

Mas a mensagem do pastor foi assaz maravilhosa. O verdadeiro Cristo redentor habita em nossos corações, não é um monte de pedra-sabão esculpida que não se mexe, não fala nem escuta. O verdadeiro Cristo redentor vive em nós e se move em nós, fala conosco e escuta nossas orações.

Se alguém perguntar ou comentar sobre o Cristo Redentor ser a nova maravilha do mundo, não se esqueça de dizer que a verdadeira maravilha é o Cristo vivo, criador dos céus e da terra. Não deixemos a estratégia do inimigo se disseminar mais do que já está impregnada na nossa sociedade.

Maravilha é a vida em Cristo!

Anúncios