Rev. Romildo Lima de Freitas

No terceiro domingo de setembro, as igrejas comemoram o Dia da Escola Dominical. A Igreja Metodista trouxe a EBD para o Brasil em 1836. O rev. Justin Spaulding organizou, no Rio de Janeiro, entre estrangeiros, uma congregação com cerca de 40 pessoas e, em junho daquele ano, abriu uma EBD com 30 alunos, dos quais alguns eram brasileiros, ensinados na sua própria língua.No ano de 1858, os missionários Robert e Sara Kalley dirigiram aquela que é considerada a primeira Escola Dominical em terras brasileiras.  

Eles contaram com a participação de apenas cinco crianças para assistirem àquela aula. Após sua chegada ao Brasil, datada de 12 de agosto de 1859, em seu primeiro ano no Brasil, o rev. Ashbel Green Simonton iniciou uma Escola Dominical com os filhos de amigos e vizinhos. Esse trabalho se estendeu ao longo desses 148 anos de IPB e, atualmente, contamos com cerca de meio milhão de alunos na EBD. Acredito ser salutar que nossas Escolas Dominicais acompanhem o desenvolvimento na área educacional e que nossos professores possam realizar cursos de capacitação com o objetivo de melhor transmitirem, com clareza e profundidade, o ensino que auxiliará nossos alunos a melhor servirem a Deus.

Somos sabedores que, em nosso país, algumas igrejas aboliram a Escola Dominical. Outras, ao invés de ensinarem as Sagradas Escrituras, estão instruindo seus “alunos” apenas com conhecimento humano, que nada acrescenta ao crescimento espiritual.

Infelizmente encontramos, muitas vezes, professores despreparados e alunos desmotivados em nossas igrejas. E a soma destes dois fatores contribui para um êxodo cada vez maior em nossas escolas dominicais e, conseqüentemente, uma freqüência muito abaixo do que era no passado em muitas de nossas igrejas.

Mesmo diante dessa realidade não podemos perder o foco da importância do que é a Escola Dominical na vida da igreja. É de extrema relevância para o nosso crescimento espiritual e favorece a nossa comunhão com os demais membros e alunos das igrejas.

A Escola Dominical é de grande utilidade porque nenhuma outra reunião da igreja tem um programa de estudo sistemático da Bíblia com a mesma abrangência e profundidade, ajustado a cada faixa etária. É a melhor escola do mundo, pois está nos preparando para vivermos eternamente ao lado do nosso Salvador, o Senhor Jesus. Louvamos a Deus porque existem, no meio da igreja evangélica, remanescentes fiéis que têm zelado pela Escola Dominical.

Que o Senhor Jesus nos ajude a ter sempre em mente o objetivo da Escola Dominical, que é o ensino das Sagradas Escrituras, uma ferramenta valiosa para a evangelização.

Vamos rogar ao Senhor da Seara que levante homens e mulheres comprometidos com sua Palavra para que tenhamos uma Escola Dominical forte e atuante na sociedade em que estamos inseridos.

Romildo Lima de Freitas é pastor na IP Centenário, em São Mateus (ES)
e membro do Conselho Editorial da Rede Presbiteriana de Comunicação
About these ads